Hackers atacam empresa militar do Japão

terça-feira, 20 de setembro de 2011


Computadores da maior fabricante de armas do Japão foram invadidos em agosto; empresa admite vazamento de informações


Informações técnicas sobre submarinos, mísseis e centrais nucleares foram roubadas, diz jornal

Informações técnicas sobre submarinos, mísseis e centrais nucleares foram roubadas, diz jornal

A Mitsubishi Heavy Industries, fabricante de material para usinas nucleares, fornecedora do Ministério da Defesa e maior fabricante de armas do Japão, foi atacada por hackers em agosto, segundo informou a mídia local nesta terça-feira (20).

O jornal Yomiuri informou que cerca de 80 servidores e computadores do grupo, incluindo alguns com informações técnicas sobre submarinos, mísseis e centrais nucleares, foram infectados com pelo menos oito tipos de vírus, entre eles o "cavalo de Troia", que permite aos hackers operar o computador e enviar dados procedentes do mesmo.

A companhia admitiu em comunicado a possibilidade de os invasores terem roubado informações, mas disse ser pouco provável que dados mais sensíveis tenham sido furtadas no primeiro ataque cibernético registrado na indústria de defesa do Japão.

"Descobrimos que algumas informações do sistema - tais como endereços de IP - foram roubadas, e isso é assustador. Porém, os dados mais importantes sobre os nossos produtos e tecnologias permanecem em segurança”, disse um porta-voz da Mitsubishi Heavy Industries.

A empresa notou o ciberataque pela primeira vez em 11 de agosto.

Fonte: MSN Tecnologia

 
© 2009 | MALINUS | Por Templates para Você